Mundo afora

Outubro 2011

Eis um restaurante que estava na minha lista há algum tempo. Uma casa pequena, escondida na Passage des Panoramas, que, surpreendentemente, pouco tempo depois de inaugurada já arrancava elogios da crítica e garfava estrelas Michelin – a segunda veio com a edição 2011 do guia....

Outubro 2011

Uma das minhas gratas surpresas durante essa passagem por Paris foi o restaurante Akrame. Aberto no primeiro semestre, tem sido considerado uma das melhores inaugurações do ano por gente que entende do riscado. Ao contrário do que pode sugerir o estranho vídeo em seu website, o...

Outubro 2011

Já tinha comentado aqui sobre a filial da crêperie Breizh Café no Marais, em Paris. Nessa passagem pela Bretanha, pude conhecer a matriz, em Cancale, a poucos quilômetros de onde estava hospedada. E gostei ainda mais. Sob o lema “La crêpe autrement”, galettes e crêpes são feitas com...

Outubro 2011

Sei da importância de navegar por novos mares. Mas penso que voltar aos lugares que se ama é igualmente prazeroso. E a poucos lugares sinto tanta vontade de voltar como a Paris, cidade que me emociona como nenhuma outra (à exceção do meu Rio de Janeiro). Quando me...

Outubro 2011

Como vocês perceberam pelos últimos posts, estive na Bretanha por alguns dias no mês passado. Mais precisamente, no norte da Bretanha, nos arredores de Cancale, à beira da baía do Mont St-Michel. O que me levou àquelas paragens, além do interesse que a região desde...

Setembro 2011

Toda viagem minha tem que ter alguma visita a um mercado local. Nessa passagem pela França, houve dois especialmente que me marcaram. Experiências completamente opostas, mas igualmente interessantes.

Em Paris, o Marché des Enfants Rouges, no Marais (pendência antiga que tinha com a cidade, visita que já...

Dezembro 2010

49 Avenue Jean Moulin. Ali começaram a ser escritas, no início da década de 90, as primeiras linhas do movimento que seria batizado de "bistronomie". No comando, Yves Camdeborde, pupilo de Christian Constant e ávido por colocar em prática as ideias revolucionárias que o mestre plantou nele. Os...

Dezembro 2010

Por mais que eu tente não me influenciar muito por prêmios e rankings de gastronomia, essas coisas acabam exercendo seu poder, ainda que de forma subliminar. Difícil escapar completamente das expectativas que essas listas acabam por gerar em torno de certos restaurantes. Com o Le Chateaubriand, neobistrô de Iñaki...

Dezembro 2010

Paris é desses lugares onde se pode comer incrivelmente bem por uma vida inteira sem jamais ter pisado num restaurante estrelado. Está aí uma das facetas mais encantadoras dessa cidade. Essa infinidade de pequenos grandes restaurantes, sejam bistrôs tradicionais, neobistrôs ou despretensiosos restaurantes de bairro, enfim, endereços onde,...

Novembro 2010

Depois de uma deliciosa jornada pela Itália, parti pra um pit stop obrigatório em Paris, antes de voltar pra casa - comigo é assim: se eu for à Índia, dou um jeito de voltar por Paris. Além dos restaurantes que visitei, fiz o percurso de sempre por cafés, mercados, confeitarias,...

recentes 1 2 3 4 5 anteriores
© Pra quem quiser me visitar - Todos os direitos reservados

Envie para um amigo:

*
*

Assinar Newsletter:

Remover email: